domingo, 15 de junho de 2008

Lua de Mel

Que noite foi aquela! Sabe quando você ganha um sapato novinho em folha e é o seu número? Até lacear e seu pé ficar confortável nele, demora um tempinho, principalmente quando o couro é bom! Também foi assim na nossa primeira noite! Tirando o caso do incenso, a sequência foi sensacional. Não vou entrar em detalhes, pois é algo muito íntimo e que so pertence aos dois. Só vou contar algo que também foi cômico naquela noite. Fiz a mira para dar o primeiro tchan, fez o segundo tchan, fez o terceiro tchan...Quando ia para o tchan, tchan, tchannnnnnn...Ela gritou: sopra meu bem! Sopra...Está ardendo...E eu de quatro em cima da cama, soprando...Soprando... Quando vi que era insuficiente, peguei uma tampa de caixa de sapato e fiquei abanando e soprando ao mesmo tempo. Depois do relax, rimos o resto da noite. No dia seguinte, acordei, olhei para o lado e ela dormindo feito um anjinho, me bateu um desespero, saber que eu estava casado! Foi naquele momento que a minha ficha caiu. Quase pulei da cama e sai correndo. Mas mesmo dormindo e descabelada, ela estava não linda, nuazinha em pêlo que não tive coragem e continuamos até hoje e esperamos continuar por todo sempre amém! Levantamos, tomamos o nosso banho e saímos em viagem, com destino à cidade de Goiás...

4 comentários:

Nélis Neide disse...

É amor...os detalhes não lhe falham à memória mesmo... foram momentos muitos bons e divertidos
e que continuam sendo até hoje maravilhosos. Você é realmente um marido, amante nota 10. Parabéns!!

Te amo!

Beijocas adoráveis...

Fagner disse...

hauhauhauhauhauhauhua.... Adorei a parte da tampa da caixa de sapato... Deve ter sido cômico! Abraços...

Chrystian disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

tô rindo até agora.

só minha mãe mesmo.

kkkkkk

Chrystian disse...

gostei da figura lá de cima;
bem criativo.